Sint (Saint)

“Cuidado ao abrir a porta esta noite.
Pode ser o maligno São Nicolau”



Amanhã é dia 5 de dezembro, e, se for lua cheia, é bom você tomar cuidado, pois São Nicolau pode estar por aí. Diz a lenda que, a cada 32 anos, quando o dia 5 de dezembro casa com a exibição de uma lua cheia no céu, São Nicolau surge para buscar você, não importa se é criança, adolescente ou adulto. Ele vem para pegar todos nós.


Não conhece essa lenda? Bem, eu me surpreenderia se você conhecesse, afinal esta lenda é parte da premissa do filme Sint (Saint, nos EUA), vindo dos países baixos e que conta uma história diferente da que conhecemos sobre o “bom velhinho” que entrega presentes para as crianças em dezembro.

Mas antes de falar sobre o filme, vale algumas considerações: Nos países baixos, comemora-se o que eles chamam de Sinterklass, celebração em homenagem a “São Nicolau” (Saint Nicholas), santo patrono das crianças, dos marinheiros e da cidade de Amsterdã. Esta é uma comemoração antiquíssima e – imagino que você já deve ter suspeitado – é uma das fontes que inspiraram a criação (especialmente o visual) do Papai Noel que conhecemos através da América (nos EUA, Santa Claus). Mas, ao invés do dia 25 de dezembro, que é o dia em que comemoramos o Natal, o Sinterklass é comemorado entre os dias 5 e 6 de dezembro, já que o dia 5 é o “Dia de Saint Nicholas”.

O Saint Nicholas holandês não é muito diferente do nosso Papai Noel, sendo considerado uma figura bondosa e que deixa presentes para as crianças. Mas a produtora de Amsterdã A-Film e o diretor Dick Maas trazem em Sint a “verdadeira” história de Saint Nicholas, que foi escondida da população, que até hoje pensa no personagem como uma figura bondosa. No filme, Saint Nicholas é um criminoso que lidera saques e mortes. Uma vila, cansada de seus abusos, decide queimar Saint Nicholas e seu comparsa até a morte. Isto aconteceu em 5 de dezembro de 1492, durante uma noite de lua cheia e, com o tempo, o incidente foi esquecido pela história e distorcido a ponto de a população hoje acreditar que dia 5 de dezembro se comemora o nascimento de Saint Nicholas, e que este era um santo homem que distribuia brinquedos para as crianças.

Mas o que pouquíssimas pessoas sabem é que Saint Nicholas retorna a cada 32 anos, sempre que o dia 5 de dezembro cai numa lua cheia, para a desforra, capturando e matando quem estiver em seu caminho, e esse pessoal vai ter que correr contra o tempo para convencer a polícia do problema, evitar mortes e vencer a maligna criatura. Tudo isso no dia em que diversas pessoas estarão fantasiadas de Saint Nicholas e seus ajudantes nas ruas, o que não ajuda em nada.


Sint é um dos filmes mais inusitados com o tema “Natal” (embora não seja, a rigor, sobre o Natal e o tipo de temática esteja longe de ser original) e, apesar de não ser um filme genial, é uma ótima diversão para quem não gosta de ver os mesmos filmes sobre Natal todo o ano (ou para quem, assim como eu, odeia Natal). Infelizmente, acho que não saiu por aqui, então se você tiver a fim de assistir, vai ter que procurar por outros canais que tenham o filme disponível.

Curiosidades:
- Na lenda de Saint Nicholas, seu ajudante é negro de pele. Em Sint, é explicado que que a cor negra não é por causa de sua etnia, e sim por conta dele ter sido queimado;

- O pôster do filme, exibido nas ruas das cidades causou polêmica por mostrar um Saint Nicholas cadavérico e macabro. Muitos pais reclamaram que as crianças que ainda acreditam em Saint Nicholas poderiam se confundir e ficar assustadas achando que aquele era o “verdadeiro”. O caso foi levado para a justiça, pedindo a remoção de todos os pôsteres; Dick Maas (o diretor do filme) argumento que, se os pais puderam fazer seus filhos acreditarem que SinterKlass existe, eles podem então informar suas crianças que o homem no pôster não é o “real” Sinterklass. A corte decidiu em favor do diretor, apontando também que o rosto macabro quase não era visível no pôster, encerrando o caso;

- A lenda verdadeira de São Nicolau conta a história de 3 moças que não poderiam se casar porque seu pai não tinha condições de pagar seus dotes, na época, indispensáveis. Assim, a sorte das moças estava lançada ao cruel destino de escravidão ou prostituição. São Nicolau, comovido com a situação, jogou três sacos de moedas de ouro pela chaminé da casa das moças. Os sacos caíram dentro das meias das moças que estavam secando junto ao fogo da lareira. Por essa razão, costuma-se dependurar meias nas lareiras das casas no dia 5 de dezembro à noite, véspera de São Nicolau, fazendo orações. Costuma-se também colocar sapatinhos na janela, para as crianças que não tem lareira. São Nicolau, durante a madrugada, enche de doces as meias ou os sapatinhos das crianças que se comportaram bem durante o ano. São Nicolau costuma andar acompanhado de Pedro Preto (Black Pete, Zwarte Piet, Svarte Petter), seu ajudante para verificar o comportamento das crianças e distribuir doces, pãezinhos de mel, bengalinhas coloridas de açúcar e moedas de chocolate envoltas em papel dourado.

Nome do Autor

Rafael Rodrigues

Filósofo, redator publicitário, promotor da ciência, roteirista de quadrinhos, professor de informática e pseudoblogueiro. Um homem que gosta de coisas simples, como Quadrinhos, Cinema e Ciência. Sabe, coisas normais.

Leia Mais sobre Rafael Rodrigues...
Related Posts with Thumbnails
blog comments powered by Disqus